Como dar um gelo

Em meio às nossas relações sociais e amorosas, sempre ocorrerão atitudes que desaprovamos.

"Você me desapontou"- Michael Corleone

“Você me desapontou”- Michael Corleone

Seu amigo combina de dar uma carona à praia e do nada, some…

Seu irmão pega uma de suas camisas favoritas emprestada – sem pedir – e ainda derrama vinho nela…

A gata que você está de rolo não retorna uma ligação.

 

Sabe aquele ensinamento que sugere só fazermos aos outros o que gostaríamos que fizessem para nós? Pois então… muita gente não vive de acordo. Ou até vive, mas os limites que eles determinam nas  suas relações podem ser diferentes dos seus.

Nesse cenário, você tem duas alternativas para restabelecer o equilíbrio social:

a) colocar “os pingos nos is”, ou, em outras palavras, colocar “as cartas na mesa”, explanando verbalmente sua insatisfação com a atitude alheia;

b) dar um gelo.

gelo

Não responder à uma pergunta, não puxar assunto, virar a cara, ficar inacessível, podem ser formas elegantes de comunicar ao vacilão de que ele perdeu “arrego” contigo, mesmo que momentaneamente.

A ausência então, tem um poder imensurável. Observe quando um artista ou qualquer pessoa bate as botas. É o momento que realmente refletimos sobre a sua importância.

 

Perguntaram outro dia para mim sobre a hora certa de dar gelo na mulherada. Isso dependerá do nível da relação e do grau da atitude que você reprovou.

Caso seja sua namorada/esposa, é melhor conversar de boa sobre o que aconteceu e expor seus pontos de vista. Não tem porque dar gelo em quem se ama.

 

Por outro lado, se for somente um lance que vocês têm, a história é diferente.

Já furou um compromisso com uma gata? 80% nunca mais retorna suas ligações e o restante % guarda mágoas.

novo macho, ou seja, o JC também deve se valorizar. Valorizar seu tempo, sua companhia e seus colhões. Portanto, dará um gelo sempre que achar que a gata merece ganhar.

Quer ver então se perceber uma certa “marra” por parte delas, como se ELAS fossem o prêmio, e não a relação de vocês em si. Dessas que testam você descaradamente, que adoram atrair para depois rejeitar os homens. A famosa “perigosa”.

Daqui pra frente, ao detectar tal frame, dê o gelo certo para faze-la comer nas suas mãos:

 

1- Jogue o jogo dela, não se mostre reativo

2- Leve tudo com um objetivo: chegar no sexo

3- Cumprida a meta anterior, desapareça

4- Dias ou semanas depois, faça contato

5- Repita o processo

 

Pronto. Prepare-se para ter uma nova fã. Esse é o gelo que surte maior efeito nas minas que tem o ego muito inflado, tipo “sou gostosa e todos me desejam”. Pois imagine, desde criança ela é chamada de linda, paparicada. Nas ruas, todos olham. Na balada, vários abordam. Aí ela resolve ficar de joguinho logo pra cima de quem? Um Jogador Caro! Ele vai, faz o serviço e se mostra desapegado, imune aos seus encantos. Como diria Alita, o feitiço vira contra a feiticeira! JC wins.

Só não vai agir assim com a gata que é querida, fechou?

 

_______________________________________________________________________________

don conThiago Coelho (ou Don Conejo) é o criador do Manual do Jogador Caro. Formado em Direito e especialista em Psicologia Multifocal, tem por hobby o surf, por hábito falar e por plano entrar na sua mente.

 

Still quiet here.sas